16 fevereiro, 2015

A noite do Carnaval de Torres (Sábado)


A noite começou no bar de sempre, o Elegance Bar, ao sabor de (mais) um fantástico Gin Martin Millers, divinamente preparado pelo Nuno Bastos. Muita musica, muita folia, na companhia de alguns dos meus melhores amigos! Aqui fica o retrato da minha esposa, um cupido para condizer com o tema deste ano.


Após umas voltas pela cidade em busca do novo "poiso", determinámos que seria na Rua dos Celeiros de Santa Maria, onde tinha estado na noite anterior, também a desenhar. Aqui, enquanto brindávamos, éramos "brindados" pelas baboseiras de malta que já tinha brindado demais...


Por fim, pouco tempo antes do meu primo ir embora, houve tempo para um saltinho ao seu habitat natural em tempo de carnaval: Em cima de uma coluna ou outro qualquer sitio elevado. Aqui fica o ambiente de festa que se vivia no Boca Roxa. Destaque para a etiqueta no chapéu dele que metia a malta a falar e para as aventuras na fila única para o WC... Depois disto, a minha aventura carnavalesca de 2015 terminou, quase às 7:00 no bar do Gil. Agora é altura de ficar de babysitter para a minha filha. 

Sem comentários:

Enviar um comentário