06 julho, 2015

Memórias do Varatojo...


Mais um desenho da eterna nostalgia. A fronteira entre o meu terreiro e o do "Ti Chico", palco de tantas brincadeiras de infância... os jogos do 31 (ou camelo) com os meus primos Miguel  Inácio e Sérgio Inácio; As tropelias que eu e o Bruno faziamos ao seu irmão Francisco. A cozinha velha, palco de tantas caldeiradas; A nespreira e a figueira onde tantas vezes fui buscar fruta às escondidas do Tio Chico e da Tia Mariana; O muro onde punha alvos para practicar com a minha pressão de ar...Num plano mais recente, destaco a "grelha" que tanto  aturou o meu grupo de amigos e respectivas cervejas... Anos e anos de memórias concentrados num papel de 25 X 10 cm que agora partilho com todos.



Aqui dois desenhos de alturas diferentes, o edificio pertencente aos meus pais e tio Zé, do Casal do Facho no Varatojo, um conjunto de casas que nasceu na altura das invasões Francesas e que ainda hoje conserva o nome que deriva da sua função na altura. Era um ponto onde as tropas inglesas conseguiam controlar a costa e avisar a guarnição do castelo e forte de São Vicente em caso de invasão Francesa pelas costas da cidade...


E aqui, um jantar na cozinha do meu tio onde as conversas foram regadas a vinho... bem como o desenho ;)

Sem comentários:

Enviar um comentário